Instituições políticas domésticas e cooperação internacional na díade Chile-Uruguai (1973-2000)


O objetivo deste artigo é o de analisar de forma comparativa os níveis de cooperação internacional na díade Chile-Uruguai em dois momentos distintos: entre 1973 e 1985, quando a díade era autocrática, e entre 1990 e 2000, quando a díade se tornou democrática. A partir do estudo de caso berfore-and-after se pretende testar a hipótese de que as Instituições Políticas Domésticas podem explicar os níveis de cooperação em uma díade. De modo a realizá-lo foram levantados os tratados assinados e ratificados por Chile e Uruguai entre 1973 e 2000, disponíveis no acervo online da Biblioteca del Congreso Nacional de Chile. Após, realizou-se pesquisa documental onde as áreas temáticas e o modelo de cooperação adotado foram destacados. Enfim, em ordem a julgar a intensidade da cooperação nos dois períodos destacados, foi comparado o número bruto de tratados firmados, as áreas temáticas onde se estabeleceram os acordos e o modelo de cooperação adotado.


Para acessar o artigo completo, clique aqui. - Publicado por Isabella Silvério.

Destaques
Posts Recentes
Arquivos